RSS

O que provoca caroços e feridas vaginais e como tratar


O que provoca caroços e feridas vaginais e como tratar

Escrito por Dra. Maria Luiza Campos

Qui, 28 de Julho de 2011 09:14

Sobre as feridas

O que pode provocar uma ferida na vagina?

Normalmente é causada por uma infecção bacteriana ou viral: herpes vírus, foliculite, sífilis, donovanose.

Há risco de transmissão de doenças com uma ferida não tratada? Quais?

Sim. A própria ferida já pode se tratar de uma doença sexualmente transmissível ou o aumento da população bacteriana do local da ferida pode ir carreando outras infecções.

Pomadas resolvem o problema? Qual é o tratamento mais indicado?

Poucas vezes o tratamento será local. Normalmente o indicado é antibiótico oral.

A presença de feridas pode significar a presença de alguma doença (além das DSTs)?

Se for crônica e refratária, pode sugerir até um câncer vulvar. Também pode ser uma micose, uma distrofia ou uma reação alérgica.

Algum fator ‘externo’ pode causar uma ferida?

Sim. Traumas, durante o ato sexual, por exemplo, também podem provocar feridas.

Sobre os caroços

A mulher percebeu um caroço na vagina. É motivo para grande preocupação?

Não. É motivo para investigação, já que não é normal.

O que pode significar o aparecimento desses caroços?

Pode ser uma linfadenomegalia, um cisto glandular, como o de Bartholin, algum tipo de tumor ou até uma verruga, dependendo do local que surja.

Pode aparecer algo além dos caroços?

Febre, dor no corpo, mal-estar, corrimento. Também pode haver dor e edema da região, dependendo do caso.

Que doenças podem provocar o aparecimento dos caroços?

Linfoma, linfogranuloma venéreo e qualquer infecção que provoque linfadenomegalia (os caroços serão na virilha), bartolinite (caroço na vulva) e verrugas vulvares que podem ser identificadas como caroços são as principais doenças.

Quais os exames realizados para descobrir as causas dos caroços?

Exame clínico, biópsia e cultura do material.

Como é feito o tratamento? Apenas com medicação?

Pode ser com antibiótico, antirretroviral, quimioterápicos e às vezes cirúrgico, dependendo da situação.

Como fazer a prevenção?

A melhor maneira de prevenir é fazer consultas e exames regulares no ginecologista. Das infecções vulvares que se apresentem com nodulações, a melhor prevenção ainda é a camisinha.

O autoexame pode ajudar a descobrir o problema? Como ele deve ser feito?

Deve ser usado um espelhinho e o dedo, mas a mulher tem que conhecer o próprio corpo e ter o hábito de se olhar e se tocar para poder perceber qualquer diferença.

Dra. Maria Luiza Campos – CRM/GO 12498 – é médica ginecologista com especialização em Climatério, Ginecologia Endócrina e Infantopuberal pela UNIFESP. Titulada pela Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia e é a autora do blog http://dramarialuiza.blogspot.com.

Adicionar comentário

About these ads

Sobre sérgio soares gomes

Sou médico formado na UFSM,atuo na área de clínica-geral, com atenção voltada às doenças crônicas-degenerativas.

»

  1. Dr Sergio obrigada por postar no seu blog a minha entrevista. Fiquei muito lisonjeada.
    Maria Luiza Campos

    Responder
  2. OBRIGADA DOUTORA!!! VC ME AJUDOU BASTANTE COM O SEU RELATO…

    ESTOU COM ESSE PROBLEMA E VOU PROCURAR UM MEDICO

    Responder
  3. eu tenho 3 caroço ( como muitas pessoas dizem , na testa da perereca ) .. e tipo eu sempre falo com minha mae, pergunto oque que é e ela fala que isso é normal,mais tipo as vezes coça muito.. & eu queria saber oque é isso , se é grave. tenho 14 anos ! beijos

    Responder
  4. Obrigado pelas informaçœs, pois, vou dizer à minha esposa qual e o seu problema.

    Responder
  5. Dotora estou com esse problema, obrigado por esclarecer as minhas duvidas quanto a esse caroço. Bjs

    Responder
  6. PARABENS!!!

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 132 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: